Por que todo mundo deveria assistir ao documentário sobre mudanças climáticas de Leonardo DiCaprio

Por que todo mundo deveria assistir ao documentário sobre mudanças  climáticas de Leonardo DiCaprio
22 nov 2016

Você já deve conhecer o ativismo dedicado do ator hollywoodiano Leonardo DiCaprio com questões ambientais e humanitárias. Seu empenho se intensificou ainda mais quando ele,­ que já era Embaixador da Paz, ­ foi também nomeado pelo secretário-­geral da ONU, Ban Ki­moon, como Mensageiro de Paz para as Mudanças Climáticas em 2014. Com o novo posto, DiCaprio embarcou em uma jornada por diversas regiões já castigadas pelos efeitos do aquecimento global no planeta. Todo esse trabalho resultou no belíssimo (e atordoante) documentário Before the Flood, que retrata os impactos das mudanças climáticas no planeta.

Dos alagamentos nas ruas de Miami à queima criminosa de florestas para extração de óleo de palma (o famoso azeite-­de-­dendê) na Indonésia, o documentário se dedica a mostrar o quão longe o aquecimento global tem ido, o porquê de algumas pessoas ainda negarem sua existência e se já é tarde demais para tomarmos alguma atitude, deixando-nos frente a frente com alguns gigantes inimigos, como as empresas petrolíferas, a indústria de alimentos e cosméticos e o lobby que influencia e debocha do aquecimento global no congresso dos Estados Unidos – país mais poluente da história. Outro destaque é a desinformação quanto ao aquecimento global trazida por uma pequena – porém barulhenta – trupe de “cientistas” porta-­vozes dos interesses dessas corporações na mídia.

O documentário conta ainda com a participação de líderes, como o presidente Barack Obama, Bill Clinton e o Papa Francisco, além de estudiosos e empresários preocupados com o assunto – como o CEO da Tesla, Elon Musk, e o ex­astronauta e ativista Piers Sellers.

Dirigido por Fisher Stevens e tendo Martin Scorsese como produtor executivo, Before the Flood teve sua primeira exibição no Festival Internacional de Toronto e foi lançado oficialmente em mais de 171 países no dia 30 de outubro pelo canal National Geographic.

*Este post é uma colaboração de Guilmour Rossi. Estudante de engenharia de computação, defende o progresso tecnocientífico sem a destruição do meio ambiente. É vegano e ativista de causas sociais, ambientais e políticas. No twitter é @guilmour.


 


Redação
Redação

Também quer ver seu texto publicado no The Greenest Post? Entre em contato com a gente pelo e-mail colabore@thegreenestpost.com!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *