Asilo recupera idosos com Alzheimer ao reproduzir suas antigas casas no local

Asilo recupera idosos com Alzheimer ao reproduzir suas antigas casas no local
29 set 2016

Localizado em Ohio, nos EUA, o lar para idosos Lantern lembra muito uma vila dos anos 1930. É que todas as suas instalações foram pensadas para proporcionar uma estadia mais agradável aos pacientes com Alzheimer.

Tudo para que os idosos sintam como se estivessem morando em um dos bairros onde muitos deles cresceram. Os ambientes e horários correspondem a sua antiga rotina. Os corredores do lar, por exemplo, são como ruas, onde cada um dos moradores têm sua própria “casa”.

Mas não vá pensando que esse clima anos 30 deixa o lugar com cara de antiguado. Nada disso! A modernidade impera por lá. O teto do lar, por exemplo, escurece no final do dia para manter o relógio biológico dos moradores em sintonia. Já o carpete, que se parece com grama, perfuma o ar com aromas frescos de hortelã-pimenta ou cítricos, para melhorar o funcionamento cognitivo dos idosos.

A estratégia inovadora desse tipo de ambiente pode ajudar essas pessoas a reaprenderem a cuidar de si mesmas e a se apaixonar novamente pela vida.

“Em cinco anos, vamos ser capazes de reabilitar nossos pacientes de forma que eles possam viver independentes em nosso ambiente. Em 10 anos, poderemos enviá-los de volta para casa”, acredita Markesh, CEO do lar.

Depois de ver que a experiência está dando certo, ele está abrindo duas novas unidades do lugar. “Sei que há muito trabalho pela frente, mas o desejo de dar às pessoas com Alzheimer a esperança de dias melhores é maior do que qualquer coisa”, finaliza. <3


02-2

03-2


Razões Para Acreditar
Razões Para Acreditar

Algumas razões para continuarmos acreditando em um mundo melhor! >www.razoesparaacreditar.com<

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *