Refugiado do Congo inaugura no Brasil restaurante vegano com pratos típicos do seu país

Refugiado do Congo inaugura no Brasil restaurante vegano com pratos típicos do seu país
16 out 2016

O congolês Picthou Luambo chegou ao Brasil seis anos atrás fugindo dos conflitos armados que há mais de 20 anos assolam seu país natal. Picthou é formado em Direito, mas não pode exercer sua profissão no Brasil por questões burocráticas.

Na República Democrática do Congo, terceiro maior país do continente africano, ele era um ativista das causas sociais. Pitchou denunciava estupros cometidos por integrantes das forças armadas que tentam tomar o controle do seu país e defendia vítimas da violência.

No início do ano, ele abriu, em São Paulo, um restaurante vegano com pratos típicos do seu país – onde as pessoas estão habituadas a comer muito mais vegetais do que carnes. Ele viu nisso uma oportunidade de começar o seu próprio negócio no Brasil.

O Congolinária fica dentro do espaço O Quintal de Casa, uma praça de alimentação independente localizada o bairro do Itaim Bibi, na zona sul da cidade. Com nomes como “Fufu”, “Sambusa”, “Simba”, “Tembo” e “Omomba”, os pratos despertam a curiosidade e aguçam o paladar. O lugar está fazendo o maior sucesso! Um jeitinho de matar a saudade de casa e, ao mesmo tempo, apresentar aos brasileiros a cultura congolesa para, quem sabe, acabar com tanto preconceito.

Confira, abaixo, o cardápio com os ingredientes de cada prato:

refugiado-congo-inaugura-brasil-restaurante-vegano-pratos-tipicos-seu-pais-2
(Clique na imagem para ampliá-la)


 


Razões Para Acreditar
Razões Para Acreditar

Algumas razões para continuarmos acreditando em um mundo melhor! >www.razoesparaacreditar.com<

Observações

  1. Luciana Vieira Peres Diz: outubro 21, 2016 at 8:21 am

    Muito legal ler reportagem como esta. Sucesso e parabéns!!!

  2. Bon courage mom ami!

  3. O endereço deste restaurante?

  4. César de Carvalho. Diz: outubro 24, 2016 at 6:46 pm

    Isso é muito bom , por favor faça uma filial do restaurante no Rio de Janeiro!Parabéns pela iniciativa .

  5. Maria Nazaré dos santos Diz: fevereiro 16, 2017 at 10:04 pm

    Parabéns e muito sucesso com sua alimentação

  6. Romilda Máxima Vilela de Lima Diz: fevereiro 17, 2017 at 12:29 am

    qual e o endereço?onde fica? gostaria de conhecer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *