Homens que comem mais frutas e vegetais têm cheiro mais atraente para mulheres, diz estudo

Homens que comem mais frutas e vegetais têm cheiro mais atraente para mulheres, diz estudo
29 set 2016

E mais: homens que comem muito carboidrato têm efeito contrário. Pelo menos é o que garante pesquisa publicada pela Evolution and Human Behavior, que visa estudar o comportamento do suor no corpo humano. 

Para realizá-la, cada homem passou sua dieta completa para os pesquisadores, que testaram seu odor de duas formas. A primeira tem por objetivo medir a quantidade de carotenóides, pigmentos de cor vermelha, alaranjada ou amarela, encontrados nas células de todos os vegetais. O segundo foi para medir a atratividade destes odores pelos próprios narizes femininos.

Os resultados comprovaram que comer frutas e vegetais pode ter ainda mais benefícios para a saúde do que imaginávamos: o que ingerimos também influencia no nosso odor. Os amantes de carboidratos foram classificados como “os menos atraentes para o olfato feminino”, segundo a publicação, seguidos respectivamente pelos apaixonados por gordura, carne, ovos e tofu.

Lembrando que o grande consumo de frutas e vegetais não é só bom para o odor, mas principalmente para a saúde. Está tudo interligado e saímos ganhando de várias formas! 🙂

Foto: U.S. Department of Agriculture/Creative Commons



Jéssica Miwa
Jéssica Miwa

Mãe do Gael, Googler, jornalista e cofundadora do The Greenest Post. Acredita em pequenas ações que podem mudar o mundo.

Observações

  1. Eloy Casagrande Jr. Diz: julho 7, 2017 at 2:55 pm

    Jessica, acho legal seus posts! Mas fica as vezes meio confuso, pela falta de dados completos!
    Onde está o link da fonte? O “Evolution and Human Behavior” foi publicado aonde? por quem? qual ano? O artigo tem uma foto, cuja fonte é “: U.S. Department of Agriculture”, mas aparece um jovem de olhos azuis de Nottingham, na Inglaterra!Como jornalista, é preciso ter mais cuidado para que haja credibilidade!
    att

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *