Grupo de jovens se une para distribuir aos sem-teto comida que seria desperdiçada por restaurantes

Grupo de jovens se une para distribuir aos sem-teto comida que seria desperdiçada por restaurantes
13 maio 2015

Segundo o Consulado de Defesa dos Recursos Naturais, os Estados Unidos jogam, todos os anos, aproximadamente 165 bilhões de dólares na lata do lixo, por meio do desperdício de comida – o que seria suficiente para alimentar dois bilhões de pessoas.

Fundada em 2013 por estudantes da Universidade de Nova York, a ONG Rescuing Leftover Cuisine (algo como “Resgatando Desperdícios da Gastronomia”, em português) recupera centenas de quilos de comida desperdiçada em restaurantes americanos para distribuir aos sem-teto.

Funciona da seguinte maneira: o responsável pelo restaurante baixa um aplicativo que alerta o grupo quando há comida para doação. O mesmo recurso é usado para engajar vizinhos a ajudar a causa.

Além de fazer bom uso do que seria desperdiçado, a RLC ajuda restaurantes a repensar seus hábitos e diminuir a perda – o que aumenta, consequentemente, o lucro. Até hoje, a ONG já resgatou mais de 4,5 mil quilos de alimentos.

Foto: Divulgação


Share

Jéssica Miwa
Jéssica Miwa

Mãe do Gael, Googler, jornalista e cofundadora do The Greenest Post. Acredita em pequenas ações que podem mudar o mundo.

Observações

  1. […] pratos a partir de alimentos que iriam para o lixo ou distribuir o desperdício para moradores de rua são dois exemplos criativos já noticiados no The Greenest […]

  2. […] Nova York, um grupo de jovens estudantes recolhe o desperdício dos restaurantes para distribuir entre moradores d…. Na França, supermercados já foram proibidos de jogar comida fora. Em Londres, mercado […]

  3. […] um problema sério (e não falta pessoas com muita boa vontade para reverter essa situação). Desde jovens que distribuem alimentos que restaurantes jogariam fora até geladeira pública ou supermercado de “alimentos feios” com 70% de […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *