O drone que se pilota sozinho e transporta passageiros sem emissão de CO2

O drone que se pilota sozinho e transporta passageiros sem emissão de CO2
28 set 2017

Prepare-se para mudar seu caminho ao trabalho! Após 3 anos de muito planejamento e dedicação, a Passenger Drone desenvolveu um dos primeiros veículos aéreos autônomos do mundo. Além de se pilotar sozinho, este modelo é exclusivamente elétrico. Portanto, tem zero emissão de carbono.

Com seus 16 motores elétricos, consegue alcançar velocidade máxima de 80 km/h sem produzir quase nenhum ruído. Os benefícios não param por aí: além de reduzir a poluição atmosférica e sonora, este drone pode reduzir os níveis de estresse e melhorar a saúde geral dos passageiros de todo o mundo.

A aeronave, composta por fibra de carbono, é ligeiramente maior do que um carro. Testes indicam que pode ser considerada como um dos veículos mais silenciosos do planeta. A expectativa é que este drone seja utilizado por milhões de passageiros no futuro.

A empresa afirma que o transporte aéreo é historicamente visto como inviável por conta do pequeno volume de produção direcionado a este setor. E que a produção em massa do Passenger Drone pode revolucionar as noções tradicionais de transporte.

Confira abaixo um vídeo que mostra o drone em ação.

Foto: Passenger Drone



Guilherme Lupino
Guilherme Lupino

Engenheiro Civil, formado pela Universidade Estadual Paulista, entusiasta em novas tecnologias e sistemas de construção sustentáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *