Conheça a ponte que ‘come’ a poluição do ar

Conheça a ponte que ‘come’ a poluição do ar
27 maio 2015

Não é truque de mágica. É tecnologia! Na cidade de Barcelona, na Espanha, o escritório de arquitetura BCQ planeja reformar (e esverdear) a famosa ponte Sarajevo. É que a estrutura será reconstruída com um tipo de cimento especial que filtra a poluição do ar.

A massa é feita com compostos fotocatalíticos, que nada mais são do que substâncias que reagem com a luz do sol e absorvem os poluentes atmosféricos que tanto mal fazem à saúde das pessoas e ao meio ambiente. Entre eles, o óxido de nitrogênio, a fuligem e o dióxido de carbono, o famoso CO2.

A tecnologia já é usada em outros lugares mundo afora, como na sede da companhia aérea Air France, no aeroporto de Paris, em uma delegacia em Burdeos, também na França, e em uma igreja de Roma, na Itália.

Após a reforma, a ponte Sarajevo também ganhará jardins, que ajudarão a melhorar ainda mais a qualidade do ar na região, e será equipada com luminárias LED, abastecidas por painéis solares.

Em entrevista à BBC Mundo, um dos arquitetos que está à frente do projeto, Toni Casamor, estimou que a reforma deva ficar cerca de 15% mais cara do que os projetos comuns por conta do cimento especial.

A obra, no entanto, deve reduzir – muito! – os gastos do governo no setor de saúde. Estudo divulgado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) apontou que 90% dos cidadãos europeus estão expostos a níveis de poluição acima do recomendado pela ONU. E mais: as mortes e doenças causadas pelo ar poluído custam US$ 1,6 trilhão, por ano, aos países da Europa.

No Brasil, o prejuízo é de US$ 1 bilhão por ano, segundo levantamento feito pelo Laboratório de Poluição Atmosférica Experimental da USP (Universidade de São Paulo). É muito dinheiro, que poderia ser facilmente economizado – ou melhor investido – com medidas de combate à poluição, não é não? 

Foto: Divulgação



Redação
Redação

Também quer ver seu texto publicado no The Greenest Post? Entre em contato com a gente pelo e-mail colabore@thegreenestpost.com!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *