China constrói estação de energia solar em formato de urso panda

China constrói estação de energia solar em formato de urso panda
20 jul 2017

Depois da Disney construir uma usina solar em formato de Michey, é a vez da China fazer arte com seus painéis fotovoltaicos.

Em parceria com o Pnud, o Programa da ONU para o Desenvolvimento, o país inaugurou, por meio da empresa China Merchants New Energy, uma estação de energia solar em formato de panda, um dos animais mais representativos da região.

Localizada na cidade de Dating, ao norte da China, a usina ocupa uma área de 248 acres – tamanho equivalente a mais de 140 campos de futebol – e, quando estiver com 100% de sua capacidade instalada, promete gerar mais de 3 bilhões de kWh de energia limpa. Dá para imaginar?

Segundo a ONU, o montante de energia garantirá a redução de 2,74 milhões de toneladas de emissões de dióxido de carbono, dando uma contribuição e tanto para o mundo no combate às mudanças climáticas.

Se já eramos fãs dos ursos pandas antes disso, imagina agora?!

Foto: Divulgação/Pnud



Débora Spitzcovsky
Débora Spitzcovsky

Débora Spitzcovsky é jornalista, formada pela Universidade Metodista de São Paulo e, desde o início da carreira, atua na área da sustentabilidade. Atualmente, é analista de comunicação sobre o tema na Duratex

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *