A brasileira que trocou o ônibus pela bike e já economizou R$ 4,2 mil em 2 anos

A brasileira que trocou o ônibus pela bike e já economizou R$ 4,2 mil em 2 anos
19 ago 2016

Qual o seu meio de transporte diário? Carro? Moto? Metrô? Trem? Ônibus? Pare um momento e faça uma conta rápida: quanto você gasta todo o mês para se locomover pela cidade? O que você poderia fazer com esse dinheiro, caso optasse por um meio de transporte gratuito?

A estudante Isadora Gratão fez a reflexão e tomou um susto. Por ano, eram mais de R$ 2 mil gastos com passagens de ônibus para andar pela cidade de Palmas, no Tocantins. Imagina todas as coisas que poderia fazer com esse dinheiro?

Isadora parou de imaginar e tomou uma atitude. Investiu em uma bicicleta e, desde então, não gasta NADA para se locomover pelas ruas da cidade. Ganhou saúde, qualidade de vida e TEMPO.

Há dois anos vivendo como ciclista, não possui arrependimentos. Apenas uma reivindicação: que os órgãos públicos invistam mais em infraestrutura para que as pessoas possam pedalar por aí de forma mais segura. É como diz o ditado (comprovado cientificamente): faça ciclovias e os ciclistas virão!

Em dois anos, Isadora já economizou R$ 4,2 mil com sua bike. Isso porque ela usava o ônibus como meio de transporte e, portanto, não tinha gastos com combustível, manutenção e IPVA. Já pensou quanto os motoristas de carro e moto podem economizar? #FicaADica

Foto: Reprodução/Facebook


Share

Débora Spitzcovsky
Débora Spitzcovsky

Débora Spitzcovsky é jornalista, formada pela Universidade Metodista de São Paulo e, desde o início da carreira, atua na área da sustentabilidade. Atualmente, é analista de comunicação sobre o tema na Duratex

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *