28 plantas medicinais (recomendadas pela Anvisa) para você não tomar remédio toda hora

28 plantas medicinais (recomendadas pela Anvisa) para você não tomar remédio toda hora
29 jul 2016

Gripe? Cólica? Febre? Enxaqueca? Asma? Afta? Em vez de se jogar nos remédios a cada dorzinha no corpo, que tal tentar mandar o incômodo embora de uma forma mais natural?

Depois de sancionar a Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, o governo federal dá mais um passo rumo ao incentivo do uso seguro de remédios naturais.

Acaba de ser lançado o Memento Fitoterápico da Farmacopeia Brasileira. Assinado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o documento reúne 28 plantas medicinais que podem ser usadas para amenizar ou até mesmo curar doenças crônicas e agudas, a fim de diminuir a utilização de remédios alopáticos entre os brasileiros e ainda incentivar o uso sustentável de nossa biodiversidade.

Gratuito, o manual pode ser baixado neste link por qualquer pessoa. A publicação reúne, entre outras informações:
– quais sintomas as plantas ajudam a amenizar;
– como elas podem ser consumidas;
– contraindicações;
– posologia;
– e tempo de uso.

Interessou? Confira, abaixo, o nome científico das 28 plantas medicinais recomendadas pela Anvisa e não deixe de baixar aqui o manual na íntegra.

1. Actaea racemosa L

2. Aesculus hippocastanum L

3. Allium sativum L

4. Aloe vera (L.) Burm.f

5. Calendula officinalis L

6. Cynara scolymus L

7. Echinacea purpurea (L.) Moench

8. Equisetum arvense L

9. Ginkgo biloba L

10. Glycine max (L.) Merr

11. Harpagophytum procumbens DC. e Harpagophytum zeyheri Ihlenf. & H. Hartmann

12. Hypericum perforatum L

13. Lippia sidoides Cham

14. Matricaria chamomilla L

15. Maytenus ilicifolia Mart.ex Reissek e Maytenus aquifolia Mart

16. Passiflora incarnata L

17. Paullinia cupana Kunth

18. Peumus boldus Molina

19. Piper methysticum G. Forst

20. Psidium guajava L

21. Rhamnus purshiana DC

22. Senna alexandrina Mill

23. Serenoa repens (W. Bartram) Small

24. Stryphnodendron adstringens (Mart.) Coville

25. Trifolium pratense L.

26. Uncaria tomentosa (Willd. DC.)

27. Valeriana officinalis L

28. Zingiber officinale Roscoe


Share

Débora Spitzcovsky
Débora Spitzcovsky

Débora Spitzcovsky é jornalista, formada pela Universidade Metodista de São Paulo e, desde o início da carreira, atua na área da sustentabilidade. Atualmente, é analista de comunicação sobre o tema na Duratex

Observações

  1. Jacilene Maria Santiago Diz: agosto 1, 2016 at 7:44 pm

    Os nomes citados acima não são tão populares, pois não estou conseguindo saber as plantas. Preciso muito delas . Descreva se possível. Família: diabete, gripe, hipertensão, menstruação irregular.

  2. Excelente! Ótimo post, produtos químicos industrializados muitas vezes são na verdade desnecessários. Adorei, muito bom! Vale lembrar a todos de baixar o manual na íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *